Médica denuncia hospital no litoral, em São Sebastião – SP


Posted: 25 Jun 2011 04:43 AM PDT

Desabafo
“Há 22 anos, tomei uma grande decisão. Deixei São Paulo e vim morar no Litoral Norte. Estudei muito e fiz residência em saúde geral comunitária, pois sabia que viria para uma região que necessitava de profissional médico com vivências em todas as áreas básicas, embora ginecologia e obstetrícia fosse a minha melhor formação.
Acertei na decisão. Aqui conheci meu marido _  estamos juntos há 18 anos _, fiz minha casa, ganhei uma filha linda, tenho grandes amigos e conquistei meu espaço profissional.
Nestes 22 anos, muitas coisas mudaram para melhor: o acesso ao litoral, nossas estradas, a travessia da balsa, praias urbanizadas, novas escolas, entretenimento, shows, eventos gastronômicos e culturais _  ainda temos muitos problemas, mas, sem dúvida, viver aqui é bom.
Sinto, porém, que a beleza do mar, toda a natureza exuberante que nos cerca e o preparo constante para a “temporada”, tem nos tornado apáticos, indiferentes e paralisados diante de um grande problema.
Posso afirmar, sem medo de ser injusta, que São Sebastião encontra hoje, no seu único hospital, um “desserviço” à população, pois ali está sua única saída numa emergência ou num procedimento médico qualquer. Reajam, cidadãos de São Sebastião!
Não é possível que uma cidade maravilhosa como esta, com um dos maiores orçamentos do maior e mais rico Estado da nação, que recebe turistas de todos os níveis, tenha como única estrutura hospitalar o Hospital de Clínicas de São Sebastião.
Trata-se de um prédio construído há mais ou  menos 80 anos, com acomodações arcaicas, onde as enfermarias mais parecem um deposito humano (grandes salões com várias camas e um único banheiro), contrariando todas as normas técnicas sanitárias e de privacidade do paciente e seus familiares.
Nestes 22 anos que aqui estou, e há 18 anos trabalhando neste hospital, vejo a cada dia sua decadência, sua degeneração e seu atraso a passos largos.
A UTI, que foi o grande e último avanço, hoje está sucateada, trabalhando sempre em sua capacidade máxima. Apesar do esforço de seus profissionais, que, vez ou outra, perdem seu mentor, o médico que a montou, por ser uma pessoa polêmica, está demitido por fofocas e maledicências, nunca levando em consideração a perda da qualidade do serviço.
Saiu a Solus, saiu a Acqua, deixando um rastro de calote. O PSF não recebe salário (abril ainda não foi pago), a Solus não entrega nossa declaração de rendimentos, atrasa o faturamento do hospital, não se credenciou nos convênios, atrasou os repasses aos médicos. Não investiu em nada no hospital (fui passar visita num apartamento e o marido da minha paciente que pagou pelo parto estava dormindo no chão), temos serviço de hotelaria zero.
Agora temos um interventor e um secretário de saúde que assumiram o hospital. São  amigos de longos anos, companheiros. O secretário é meu colega, mas percebemos que não têm autonomia, não dispõe de recursos, não consegue implantar uma linha de gestão.
Cenário de um plantão meu na maternidade: não havia luvas, faltavam fios, tesouras que não cortam, pinças que não pinçam, médico-obstetra fazendo 11 cesáreas num dia,ultrapassando todos os limites de desrespeito ao atendimento materno-fetal.
No dia 15, dia de pagamento dos médicos, recebi $ 400 por um mês de trabalho porque os repasses do governo federal dos partos e cirurgias que fiz não chegaram à conta de quem trabalhou duro.
Conclamo: vamos reagir! Vereadores, comerciantes, estudantes, médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, todos enfim, cidadãos de São Sebastião: vamos exigir uma solução técnica, decente e imediata para o nosso único hospital. Pergunto diariamente: afinal quem manda, quem decide neste hospital?
Dra. Janete Martinez Peres (CRM 56515)”.
Com a palavra, o governo do Estado de São Paulo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: